domingo, 6 de fevereiro de 2011

Viagem de Fusca até a Argentina

Viajar de fusca pela Patagônia Argentina é considerado loucura pela maioria das pessoas, mas não pelos amigos Robson Campagnaro e Charles Silva Rodrigues, ambos com 21 anos de idade. Eles encararam a aventura há algumas semanas, quando deixaram Curitiba no dia 17 de dezembro, conforme noticiado por Paraná Online. Ambos chegaram a Ushuaia no dia 27 e retornaram à capital paranaense em 8 de janeiro. “Por incrível que pareça, foi uma viagem super tranquila. Não passamos por nenhum susto, conhecemos lugares maravilhosos e fizemos muitos amigos. No total, entre os preparativos para a viagem, que foram realizados em apenas 20 dias, e a viagem em si, gastamos R$ 5 mil, sendo a maior parte em gasolina. Foram utilizados mil litros”, comenta Robson. O Fusca utilizado pertence a Robson e é do ano de 1974. Durante a viagem, o carro rodou 12.074 quilômetros e não apresentou nenhum problema mecânico. Teve apenas um pneu furado e um farol quebrado. “Decidimos ir de fusca para fazer uma viagem diferente e como desafio. O carro deu uma adrenalina a mais à aventura”, conta Charles. “Na Argentina, não há fuscas. Por isso, o carro despertou a curiosidade de muita gente. Algumas pessoas até tiraram fotos com o veículo”. Improviso Durante 22 dias de viagem, os amigos prepararam a própria comida e dormiram em acampamentos improvisados, sendo muitos deles em beiras de estradas. No deserto, contaram apenas com o alimento e a bagagem carregada dentro do fusca. “Em muitas regiões, não tínhamos qualquer tipo de estrutura e estávamos completamente sozinhos. Se o carro quebrasse, ficaríamos sem nenhuma assistência. Isto dava um pouco de medo, mas em nenhum momento pensamos em desistir. Fomos sempre em frente. Tivemos que aprender a nos virar sozinhos”, diz Robson. Blog A viagem deu origem a um blog(fuscanapatagonia.blogspot.com), no qual os aventureiros disponibilizam seu diário de bordo. Agora, eles têm planos de novamente colocar o fusca na estrada, indo até os Estados Unidos. “Este deve ser o destino de nossa próxima viagem. Porém, vamos ter que correr atrás de patrocínio. Para a Patagônia, bancamos tudo sozinhos. Decidimos e, em poucos dias, fomos. Porém, é bem mais distante e caro ir para os Estados Unidos”, afirma Charles. http://www.parana-online.com.br/editoria/cidades/news/509681/?noticia=VIAGEM+DE+FUSCA+ATE+A+ARGENTINA+FOI+BEM+SUCEDIDA

2 comentários: